Quem deixou para esta semana as compras das fantasias de carnaval ainda pode encontrar várias opções no centro comercial de Belém. Apesar do período de folia estar perto, o comércio ainda conta com uma variedade de opções de acessórios disponíveis à venda e à espera dos foliões. Fantasias, máscaras, glitter e outros adereços carnavalescos não faltam e estão em exposição emdiversas lojas do comércio.

Ao caminhar pelas ruas do centro de Belém, é possível encontrar diversas lojas que buscam chamar a atenção e, mesmo com bastantes opções, os vendedores garantem que o ideal é não deixar para a véspera, já que tudo pode ser vendido ainda no início desta semana. Mesmo assim eles já comemoram as vendas antes mesmo da chegada do carnaval, como é o caso de Vanessa Moraes, 25, que viu grande procura na loja de trajes femininos em que trabalha. “Graças a Deus as vendas de carnaval estão muito boas. Tem sido vendido sainhas, maio body com desenhos de frutas e das meninas superpoderosas (personagens de desenho animado). O mês de janeiro não é lá essas coisas e com o carnaval as vendas aumentam. Mesmo assim tem muita gente que deixa paracima da hora e acaba levando o que sobra”, afirmou.

EM CONTA

Quem tem andado pelo comércio tem achado o preço dos produtos convidativos, sobretudo para quem pretende comprar em atacado. É o caso da Lidiane Souza, que pesquisava fantasias de carnaval para 14 amigas. Eram tantos pedidos diferentes enviados em grupo de WhatsApp que ela anotava para que não se perdesse. Apesar disso, ela esperava encontrar no comércio tudo o que procurava. “A nossa fantasia é essa daqui”, disse apontando para uma foto enviada no grupo das amigas. “Eu estou procurando para mim e as meninas do grupo. Como é muita gente, eu vou comprar tudo no atacado e espero conseguir um bom desconto”, comentou.

Além das fantasias, máscaras e outros adereços tradicionais para o carnaval, existe também espaço para algo mais original no carnaval. Tommy Mike, 28, trabalha em uma loja destinado a cultura pop e apesar da temática ser diferente da do carnaval, ele mostrou uma variedade de opções para quem quer sair da mesmice. Seja com fantasias envolvendo super-heróis, até mesmo envolvendo bandas e personagens da cultura japonesa, que ele afirma ter bastante procura. “Como tem blocos que não pedem abadá, muitas pessoas acabam comprando peças deste tipo para ficar fantasiado. Os acessórios têm saído bastante, as mulheres estão comprando muita saia e os adereços têm boas vendas”.

Já Lindalva Souza estava de olho em fantasias para toda a família. Ela também destacou que o preço baixo tem sido bastante convidativo para as compras sem esquecer a capacidade de pechinchar na hora de negociar o valor com vendedor. “Eu já comprei brinco, spray que minha filha gosta e colares e estou procurando mais coisa para comprar. Estou achando os preços bem acessíveis, tem muita coisa vendida no atacado e para a gente melhora porque com a situação que estamos é complicado comprar no varejo. A gente tem que pechinchar e não comprar a primeiracoisa que se vê”, observou.

A uma semana da folia, a procura pelos mais diversos adereços carnavalescos, fantasias e outros acessórios nas lojas da capital paraense tem aumentado. Preços dos produtos ofertados têm agradado aos consumidores Foto: Irene Almeida

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS