Um professor, de 56 anos, foi preso em Montes Claros, Norte de Minas, suspeito de uma prática inusitada: perturbar uma vizinha, arremessando fezes em seu quintal. Após o registro de ocorrência (BO), o homem foi localizado numa escola pública da cidade e levado pela Polícia Militar (PM) para a delegacia para prestar esclarecimentos, sendo liberado em seguida.

De acordo com a policia, o fato aconteceu, nesta semana, na Rua Santo Amaro, no Bairro São Judas. A mulher contou para os militares que é constantemente perturbada pelo professor. Segundo a moradora, o suspeito “xinga" a vizinhança inteira e "perturba" a tranquilidade de todos, inclusive arremessa fezes humanas nas paredes e quintal da residência dela.

Segundo as autoridades, o professor não negou o fato. Alegou que os vizinhos têm um “complô” contra ele. O educador foi conduzido até a delegacia, onde prestou depoimento e foi liberado, após assinar um termo para o comparecimento a uma audiência no fórum da cidade.

Segundo a moradora, o suspeito “xinga" a vizinhança inteira e "perturba" a tranquilidade de todos Foto: Reprodução

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS