O ministro

do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello mandou a

Procuradoria-Geral da República (PGR) analisar pedido de afastamento do

presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A informação foi confirmada pelo UOL

no final da noite desta segunda (31)

Segundo o

site, Marco Aurélio encaminhou a notícia crime protocolada pelo deputado

federal Reginaldo Lopes (PT-MG), devido ao "histórico das reiteradas e

irresponsáveis declarações" feitas por Bolsonaro, ignorando a gravidade da

pandemia do coronavírus.

O pedido é

de que o STF acate a notícia crime e intime a PGR a apresentar denúncia contra

o presidente devido conduta considerada “irresponsável e tenebrosa e

criminosa" pelo crime previsto no artigo 268 do Código Penal Brasileiro.

O artigo

268 do Código Penal trata de "infringir determinação do poder público,

destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa" e prevê

detenção de um mês a um ano, além de multa.

Foto: Isac Nóbrega/PR

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS