Uma doença, ainda um tanto misteriosa, vem sendo observada em crianças de diversos países do mundo. Um ponto em comum da Síndrome Inflamatória Multissistêmicanto em crianças é que elas testaram positivo para o novo coronavírus ou apresentam anticorpos para a doença, ou seja, que foram infectadas pela Covid-19 e se recuperaram.     Xô, coronavírus! Filmes, desenhos e brincadeiras para as crianças na quarentena         Crianças em quarentena: quais cuidados é preciso ter?  A maioria dos casos aparece de duas a seis semanas após a infecção pelo vírus. Por isso, a síndrome, que pode ter impactos graves e precisa de atendimento médico urgente, colocou pais e autoridades de saúde em alerta.     Coronavírus: como manter a saúde mental durante a pandemia?    Coronavírus: como fica a guarda compartilhada dos filhos durante a pandemia?A Organização Mundial da Saúde (OMS), chegou a emitir um alerta sobre a síndrome e reforçou para que a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) reportem os casos. No BABY DOL dessa semana, a médica pediatra Camila D'Macedo, do Instituto Casula, explica os sintomas, os impactos na vida de crianças e adolescentes, além de tirar todas as dúvidas sobre o assunto. Assista: Veja também:

Saiba porque seu filho deve aprender um segundo idioma na infância    Como retomar o sexo após a maternidade?    Desfralde: como e quando saber que chegou a hora?

A partir de que idade a criança deve ir ao dentista?    Culpa materna: como lidar com esse sentimento comum entre mães?    Lição de casa: Meu filho não quer fazer. E agora?

Má alimentação infantil pode provocar doenças; veja as consequências e como evitar    Período chuvoso exige cuidados especiais com as crianças; veja as dicas!

Alimentação infantil: o que fazer quando a criança não come?

Bullying na infância e adolescência: Como identificar e combater?

Reportagem: Andressa Ferreira (@maedobenicio_)Coordenação: Enderson OliveiraMultimídia: Emerson Coe

OMS chegou a emitir um alerta sobre a Síndrome Inflamatória relacionada à Covid-19, que vem afetando crianças. Foto: Reprodução

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS