Belém virou mesmo terra de ninguém. Não há respeito ao

código de posturas e nem ao patrimônio histórico da cidade. O estranho caso da

antiga fábrica da Phebo, no bairro do Reduto, junta-se ao descalabro geral. O

proprietário do prédio iniciou a demolição no dia 9 de julho, sem que a

Secretaria Municipal de Urbanismo tenha sido sequer informada a respeito.

Depois que a fábrica foi ao chão, a Seurb lavrou o auto de infração e paralisou

a obra por falta de licenciamento. O proprietário do imóvel até o momento não

foi localizado.BALBÚRDIAA Seurb não sabe nem se a fábrica da Phebo é patrimônio

histórico do município. A obra só foi embargada após mobilização de moradores

da área, que denunciaram à Divisão de Fiscalização e Controle. O episódio

confirma a indiferença do gestor tucano pelos bens culturais da cidade, pois

bastaria verificar no departamento de patrimônio da PMB se o prédio se encaixa

no perfil para tombamento ou não. A Phebo foi fundada em 1930 e, durante

décadas, foi símbolo das fragrâncias naturais do Pará, com produtos elogiados

em todo o Brasil.TUCANOSEnquanto o próprio deputado revela a intenção de dialogar

com a direção nacional do PSDB, amigos e correligionários de Celso Sabino

difundem a versão de que ele estaria sofrendo uma perseguição por parte da

cúpula tucana. O argumento é que o partido vetou a indicação de Sabino para a

liderança da Maioria na Câmara, mas permite que Roberto Rocha (PSDB-MA) exerça

a liderança da Maioria no Congresso e que Izalci Lucas (PSDB-DF) seja o líder

do governo no Senado. As atitudes denotam, segundo aliados, incoerência e

discriminação em relação a Sabino.REPÚDIOA OAB-PA e a Subseção de Canaã dos Carajás manifestaram-se

ontem para repudiar os ataques sofridos pela advogada Verônica Bezerra da

Silva, que foi vítima de vídeo difamatório divulgado nas redes sociais. A Ordem

repele “comentários desairosos e odientos, sem fundamento na conduta

profissional e pessoal da referida advogada, e reitera que permanecerá se

posicionando contra qualquer tipo de discurso de ódio e retrocesso na luta pela

construção de uma sociedade livre, justa, solidária” e onde a mulher, seja advogada

ou não, ocupe o seu lugar institucional de merecimento.COBRANÇAA Assembleia Legislativa vai encaminhar nos próximos dias

moção de apelo ao ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para

obter informações sobre o organograma de obras estruturantes relacionadas ao

Estado, como portos, ferrovias, hidrovias, aeroportos e estradas. Em apoio a

pronunciamento do senador Jader Barbalho (MDB), o deputado Raimundo Santos

(Patriota) pede que o governo federal “garanta e priorize” o trecho compreendido

entre Açailândia, no Maranhão, e Barcarena, no Pará, conforme previsto no

planejamento original.HOMENAGEMMais recente vítima do golpe do perfil falso na internet, o

prefeito tucano fez ontem um alerta para que as pessoas denunciem e bloqueiem

qualquer mensagem com pedidos encaminhados através do link fake. Apesar da

seriedade do problema, as redes sociais não deixaram a história passar

incólume. Teve até internauta lembrando que, enfim, alguém teve a ideia de

“homenagear” Zenaldo à altura, mostrando que é um prefeito fake. Segundo a

Prefeitura, a polícia já foi notificada a respeito do golpe.LINHA DIRETAA realização do Círio de Nazaré apenas virtualmente não

abala o aquecido comércio de objetos, itens de presente e camisetas alusivas à

maior festa religiosa do país. Através da internet, já é intensa a divulgação

de produtos destinados aos devotos da santa padroeira dos paraenses.A promulgação da Lei Maria da Penha é comemorada hoje,

juntamente com o Dia Estadual de Combate ao Feminicidio. A Lei N°9.017,

sancionada em março pelo governo do Estado, é um projeto do deputado Miro

Sanova (PDT), aprovado pela Assembleia Legislativa.Dados da Segup indicam a ocorrência de 39 casos de

feminicídio no Estado em 2018 e uma diminuição de 40% em 2019. De acordo com a

lei, o dia de hoje deve ser voltado para a realização de debates, seminários e

palestras sobre o assunto, principalmente nas escolas públicas.O retorno das sessões de julgamento do 2º grau do TJPA

registrou um ineditismo: sob a presidência do desembargador Ricardo Nunes,

ocorreu na terça-feira, 4, a primeira sessão via videoconferência da 2ª Turma

de Direito Privado. As sessões presenciais estão suspensas desde março.O porto de Beirute, onde ocorreu a grande explosão de

anteontem, tem profundos laços afetivos e históricos com o Pará. Foi de lá que

partiram, a partir de 1870, as primeiras famílias de imigrantes com destino ao

Estado, onde fincaram raízes e permanecem até hoje através de seus

descendentes.

O vereador Ademir (PSOL) propôs a concessão do título de

Cidadã Abaetetubense à superintendente regional do Baixo Tocantins, delegada

Renata Gurgel, em reconhecimento pelos serviços prestados, especialmente na

atuação sobre casos de feminicídio, ocorridos recentemente.

Veja as notícias da coluna do Diário do Pará! Foto: Reprodução

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS